Saturday, July 09, 2011

Horror gráfico sexual

Os retardatários sentaram-se no chão da sala Eduardo Hirtz para assistir à última sessão de Horror gráfico sexual, documentário que integra a consistente programação do VII Fantaspoa. A curiosidade e o interesse do público se justificam. A película sueca de Barbara Bell e Anna Lorentzon busca entender a mentalidade de Brent PD Scott, o criador que enriqueceu com o insex.com, site especializado em produções artísticas e estilizadas de "bondage" (dominação) que no auge de seu funcionamento contou com 35 mil membros. Mulheres bem pagas, ao mesmo tempo em que são torturadas com engenhocas das mais variadas, são levadas a se excitar com a situação e chegar ao êxtase, numa experiência teoricamente sublime e transcendental. Algumas das atrizes/modelos/performers que serviram de cobaias para PD são entrevistadas, bem como alguns de seus colaboradores. Cenas chocantes são mostradas, como a em que PD esbofeteia uma garota imobilizada. Detalhe: ela antes da gravação havia expressamente dito que se dispunha a tudo, menos a ser esbofeteada no rosto. Enfim, assistir ao documentário sueco Horror gráfico sexual ajuda a entender aspectos sombrios da mente humana.

No comments: